Bem vindo, Camaçari, 23 de Setembro de 2017

10 dicas infalíveis para quem vai prestar concursos públicos

Escrito por: Sites da Web - Dicas da Gisa - 18 de Janeiro de 2016

Em um contexto de crise econômica, o clima de tensão é alimentado pelos cortes de despesas nas empresas privadas. Pensando nisso, não é raro que cresça a aspiração por um emprego que ofereça estabilidade e um bom salário ― como é o caso dos concursos públicos. Para chegar lá, não basta simplesmente inscrever-se e realizar a prova. “O planejamento deve incluir a tomada de consciência de que o projeto de passar em um concurso é uma excelente opção, mas demanda esforço e disciplina por um período de médio a longo prazo”, explica o professor William Douglas, da Escola de Pós-Graduação em Economia da FGV e autor do livro Como passar em provas e concursos (Impetus, 2013). “É um esforço regiamente recompensado”, garante.

É o caso de Camila Costa, 31 anos, que é coordenadora pedagógica e assessora da direção do Centro Pedagógico da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e foi aprovada em dois concursos em primeiro lugar. Além de montar um mapa conceitual e espalhar pela casa para memorizar as matérias, ela tinha um bom planejamento: “Eu estudei trinta e cinco horas por semana durante 4 meses. Somava todas as páginas que deveria ler, dividia esse total pela quantidade de dias que eu teria até a véspera da prova e, assim, montava um plano de estudos da quantidade mínima de estudos por dia”. Ela trabalhava e não podia fazer um curso preparatório, mas estudou a partir das bibliografias indicadas no edital. E deu certo!

Listamos dez indicações para quem pretende começar do zero e montar um cronograma adequado de estudos, até atitudes para relaxar no dia do teste. Tudo para conseguir estudar melhor ― e passar! ― naquela vaga desejada:

Pesquise
Antes de decidir por qual caminho percorrer, o ideal é procurar mais sobre o tema na internet. “A pessoa pode ler matérias, jornais especializados em concursos e um livro sobre o assunto”, recomenda o professor Douglas, autor do livro Como passar em provas e concursos. A partir daí, você vai saber quais as vagas disponíveis, os requisitos e as matérias exigidas para a prova. Depois, é possível fazer a divisão dos temas de acordo com o tempo disponível.

Vale a pena procurar um curso preparatório?
Segundo os especialistas, sim. “Presencial ou online, onde terá acesso a mais orientações”, aconselha o professor Douglas. Vídeos dos conteúdos podem ser boas alternativas para entender aquela matéria mais complicada, enquanto os exercícios disponibilizados na internet são úteis para fixar. Outra dica é escolher um curso que tenha um bom resultado de aprovações. “Contudo, é possível ser aprovado sem fazer o cursinho, o que serve para não desanimar quem não pode fazer”, complementa.

Antônio Coppola, de 20 anos, é estudante de Direito e foi aprovado em um concurso no Ministério Público da União como técnico administrativo. Fez alguns cursos presenciais, mas preferiu estudar sozinho. "Na internet tem uma infinidade de aulas. Só é necessário verificar a qualidade do curso", aconselha. “E é extremamente necessário o estudo prévio do edital, principalmente as matérias bases.”

Monte um cronograma
Que tal fazer um quadro ou calendário com metas para cumprir diariamente? De acordo com o professor Érico Teixeira, do curso Ênfase, a falta de planejamento é um dos fatores que atrapalham o candidato. “Ele acaba estudando de forma desorganizada, sem o menor controle do conteúdo estudado ou do tempo necessário para completar a abordagem de cada matéria”, explica.

A dica é estudar duas disciplinas por dia e, após terminar, resolver os exercícios para fixar melhor o conteúdo. Alerta: não deixe de dar continuidade ao seu cronograma para não ter de retomar todo o assunto novamente. “A médio e longo prazo, o efeito cumulativo do tempo investido começa a aparecer e fazer diferença. Por outro lado, é importante dar uma pausa: um dia de folga por semana”, aconselha Teixeira.

Tenha foco

Segundo os especialistas, não conseguir decidir o que quer é um erro clássico, assim como tentar estudar para todos os editais que surgem pela frente. “Esse erro faz com que o aluno perca o foco e não consiga compreender as principais disciplinas, pois, a todo momento, muda o  de estudo”, explica André Barbieri, professor de Direito Administrativo do Aprova Concursos.

Tenha confiança (na medida!)

Não é regra ser aprovado na primeira tentativa. “Diante da alta concorrência e candidatos cada vez mais preparados, uma aprovação no concurso desejado pode levar tempo”, explica Barbieri. O otimismo deve estar alinhado ao controle emocional, principalmente durante a realização da prova. “Uma das principais atitudes é não ter medo da prova ou da reprovação, mas sim ir a cada uma para fazer o seu melhor. Se não bastar, é preciso estar disposto a continuar estudando e treinando até ficar pronto para passar”, ressalta o professor Douglas, da FGV.

O contador Guilherme Gurgel, 32 anos, já passou em quatro concursos públicos e atualmente trabalha na Secretaria das Cidades do Ceará. Em uma das tentativas, pensou em desistir quando descobriu que havia apenas uma vaga sendo disputada por todos os concurseiros. Passou em quarto, mas garantiu o posto porque dois aprovados desistiram e uma segunda cadeira precisou ser preenchida. "Quem não quer fazer a prova porque existe só uma vaga, não percebe que aqueles que estão na sua frente podem passar em outros concursos e, consequentemente, garantir o seu espaço", diz.

Escolha o ambiente certo
Para absorver o conteúdo estudado, desista de deixar o celular ligado recebendo solicitações no Facebook ou mensagens no Whatsapp. Vá para longe das redes sociais, da televisão, do Netflix e outras distrações que podem atrapalhar a sua concentração. Prefira um ambiente tranquilo e iluminado. “Mais vale uma hora de estudos com plena concentração do que três horas divagando e lendo sem memorizar”, afirma o professor da Aprova Concursos.

Grupo de estudos: pode?
Aprender os conteúdos da prova com mais pessoas pode ser uma boa alternativa, desde que a disciplina individual não seja abandonada. O professor do curso Ênfase aponta que o grupo pode impulsionar os estudos. “É possível fazer a divisão de tarefas entre os seus integrantes, como, por exemplo, a preparação de material e a elaboração de resumos. No lado negativo, há a dificuldade na organização, com grande possibilidade de distração e perda de tempo.”

Revise
É importante reservar um dia da semana para revisar um assunto ou outro que foi estudado. “Nossa memória vai, com o passar do tempo, descartando algumas informações. Por isso, é muito importante resolver exercícios, fazer simulados ou provas anteriores e retomar o conteúdo estudado diariamente ou semanalmente”, explica o professor Barbieri. Quando a data da prova estiver mais próxima, é necessário reservar uma semana ou quinze dias para resolver a maior quantidade de exercícios possíveis, além de revisar aquela matéria que você teve maior dificuldade para compreender.

Na véspera da prova...
Definitivamente, este não é o dia para cair na balada. O ideal é fazer atividades mais leves, como assistir um filme. Dormir cedo é necessário para que o seu corpo esteja preparado para gastar energia no dia seguinte. “O candidato que não se alimenta adequadamente, que não descansa, que sofre pressão familiar, pode ficar abalado internamente e perder rendimento no dia da prova”, explica o professor Érico Teixeira.

No dia da prova...
De acordo com o professor Teixeira, algumas dicas podem ajudar a fazer uma prova mais tranquila e prevenir imprevistos:

● Alimentação adequada: evite alimentos gordurosos ou de difícil digestão, bem como bebidas alcoólicas;
● Vestuário: procure se vestir de maneira confortável, evitando roupas justas, apertadas, que te façam sentir calor ou frio;
● Fique relaxado: tente descansar na véspera. Evite qualquer fator externo que possa aumentar o nervosismo.
● Deixe tudo planejado: pesquise com antecedência o local da prova, confira e teste o material e os documentos necessários para realizar o teste e saia de casa com antecedência.

Outras Notícias:

Dicas da Gisa
Escrito por: Pesquisa Web
22 de Setembro de 2017
 Veja Mais
Dicas da Gisa
Escrito por: Camaçari Notícias
22 de Setembro de 2017
 Veja Mais
Dicas da Gisa
Escrito por: Sites da Web
21 de Setembro de 2017
 Veja Mais
Dicas da Gisa
Escrito por: Sites da Web
21 de Setembro de 2017
 Veja Mais
Dicas da Gisa
Escrito por: Camaçari Notícias
20 de Setembro de 2017
 Veja Mais
 Veja todas as notícias

Buscar em Notícias

Cadastre-se

Receba nossos informativos no seu email:

Enquete

Qual sua opinião sobre a manutenção da iluminação pública na gestão de Elinaldo?

Resultado

Praça Desembargador Montenegro, n° 35, Centro,
Camaçari - BA
CEP: 42800-020

71.3627-5293
contato@camacarinoticias.com.br

Navegação Rápida