Bem vindo, Camaçari, 24 de Novembro de 2017

CN Democracia e controle social: Carta aberta ao prefeito

Escrito por: Camaçari Notícias - Camaçari - 14 de Novembro de 2017

O CN Democracia é um espaço na internet,  que tem como mediador o Camaçari Notícias onde o cidadão poderá opinar, denunciar, criticar, sugerir a criação de leis e de projetos principalmente ao governo municipal, e de outras esferas.


O CN Democracia é o controle social, é a reafirmação da opinião pública, é a cidadania digital e a inteligência coletiva.


Caso solicite o Camaçari Notícia  garantirá o sigilo sobre a identidade dos participantes, pois temos a prerrogativa constitucional de preservar nossas fontes.


Participe, mande sua carta aberta através do CN Democracia.


Fale com a gente através do meio que preferir

 

CARTA ABERTA AO PREFEITO ELINALDO

Caro Sr. Prefeito Elinaldo,

Eu, como sua eleitora e residente em Camaçari, venho por meio desta carta, alertá-lo sobre uma situação que merece diligências urgentes. Apelo ainda na condição de membro do GAARC e cidadã que vive a situação de perto.Não sei se é de seu conhecimento, mas atualmente nas ruas de Camaçari transbordam animais abandonados, porém, tamanha é a importância dada aos pobres animais que não é possível encontrarmos nem estatísticas oficiais sobre a quantidade de animais (sobre)vivendo ao relento na nossa cidade.


Entendo que Camaçari esteja passando por um momento delicado em relação à saúde e principalmente à segurança, e que a pauta que vos apresento não está entre as primeiras preocupações dos senhores políticos de Camaçari, entretanto, deveria estar.


Além do fato de que nenhum animal merece ser maltratado, o abandono é crime reconhecido por lei, e afeta também a população. Com a superlotação de animais nas ruas, o risco de acidentes de trânsito é maior, assim como o contágio de doenças na comunidade.


De acordo com uma pesquisa realizada pelo Sistema de Estatística de Acidentes de Trânsito (SIDER), acidentes envolvendo animais ocupam o segundo lugar no ranking de principais ocorrências nas estradas estaduais, perdendo apenas para acontecimentos provocados por falta de atenção.
 

Não menos preocupante é o risco à saúde pública. As zoonoses são doenças transmissíveis entre os animais e o homem e vice versa, sendo uma grande ameaça à comunidade. Em uma cidade como a nossa, onde encontramos um cachorro em cada esquina, as possibilidades de contágio são ainda maiores. As principais doenças transmitidas pelos bichos incluem micose, esporotricose, dipilidiose, doença de Lyme, ancilostomose, raiva, dermatomicose e muitas outras. Vale destacar que,no final de 2015, a Secretaria de Saúde de Camaçari emitiu um alerta sobre um surto de esporotricose que apontou 10 casos confirmados na cidade, dos 16 notificados de dezembro de 2015 a julho de 2016.


Sabemos que as consequênciasapontadas colocam em risco tanto a saúde quanto a segurança da população, que seriam as principais demandas administrativas. Portanto, creio que seja viável (e inteligente) designar providências relacionadas a pauta que trago.
 

Primordialmente, acredito ser necessário colocar em prática as políticas públicas que repreendem e punem casos de maus tratos e abandono e aliado a isso, a veiculação de campanhas nas mídias e escolas, conscientizando e alertando sobre esse tipo de crime. O próximo passo seria a introdução de campanhas de castração e vacinação, que, além de prevenir a reprodução desenfreada, também evita o contágio de doenças. Após isso, seria interessante a organização de feiras de adoção responsável, a fim de retirar máximo de animais da rua.
 

Como medida mais paliativa e alternativa, seria proficiente a instalação de comedouros em alguns pontos da cidade, que seriam abastecidos voluntariamente pelos próprios moradores. Um modo de economizar tempo e recur$o$ para lidar com isso, seria contando com uma recrutação de voluntários, e apoiando os pequenos grupos, ONG’s e projetos voltados a causa animal como o meu, que viabiliza por exemplo, a implantação desses comedouros citados acima.
 

Vale enfatizar que qualquer iniciativa de apoio e colaboração em prol da causa é válida, tenho consciência de que o que peço não é muito. Aguardo retorno direto ou através de sua acessoria, e espero que o senhor pondere sobre o assunto e utilize de todo o poder administrativo que lhe cabe, para ser a voz dos que não falam por si.

Atenciosamente,

Gisele da Paz Norte, moradora e membro do grupo GAARC      (Grupo de Apoio ao Animal de Rua de Camaçari)


 

Outras Notícias:

Camaçari
Escrito por: Camaçari Notícias / Ascom
24 de Novembro de 2017
 Veja Mais
Camaçari
Escrito por: Camaçari Notícias
24 de Novembro de 2017
 Veja Mais
Camaçari
Escrito por: Sheila Barretto
24 de Novembro de 2017
 Veja Mais
Camaçari
Escrito por: Camaçari Notícias
24 de Novembro de 2017
 Veja Mais
Camaçari
Escrito por: Camaçari Notícias
23 de Novembro de 2017
 Veja Mais
Camaçari
Escrito por: Camaçari Notícias
23 de Novembro de 2017
 Veja Mais
 Veja todas as notícias

Buscar em Notícias

Cadastre-se

Receba nossos informativos no seu email:

Enquete

Se você pudesse votar sobre o destino do presidente Temer, como você votaria?

Resultado

Praça Desembargador Montenegro, n° 35, Centro,
Camaçari - BA
CEP: 42800-020

71.3627-5293
contato@camacarinoticias.com.br

Navegação Rápida